domingo, março 01, 2015

Infohab.522 - O CIHEL em São Paulo, em Setembro de 2015. O Congresso Internacional da Habitação no Espaço Lusófono em São Paulo


Infohabitar, Ano XI, n.º 522

O Congresso Internacional da Habitação no Espaço Lusófono (CIHEL) em São Paulo, 2015: de Lisboa (2010 e 2013), a São Paulo em Setembro de 2015 (3.º CIHEL) e à UBI na Covilhã em 2017


António Baptista Coelho
Presidente do GHabitar e Coordenador do CIHEL

Estrutura do artigo
(i) Sobre o CIHEL - introdução
(ii) O 3.º CIHEL , São Paulo, Setembro de 2015 - aspetos gerais
(iii) O 4.º CIHEL - sobre as temáticas do Habitat III, na UBI, Covilhã em 2017.
(IV) Lembrar os CIHEL anteriores
(V) O 3.º CIHEL, São Paulo, Setembro de 2015  - HABITAÇÃO: Urbanismo, Cultura e Ecologia dos Lugares

(i) Sobre o CIHEL - introdução


O Congresso Internacional da Habitação no Espaço Lusófono (CIHEL) nasceu em finais de 2009 no âmbito de um conjunto de vontades, dinamizadas pelo Grupo Habitar (hoje GHabitar - APPQH); o grande objetivo do CIHEL sempre foi divulgar e discutir conhecimentos e também constituir um fórum sociotécnico transnacional falado em português, dirigido para a construção de laços fortes e duráveis de cooperação técnica e económica na respetiva grande área temática do habitat humano, da cidade e do território neste nosso ainda novo século com tantas problemáticas por resolver e com tanto potencial.

Neste artigo, que inicia uma série sobre o CIHEL e a sua continuidade, faz-se a apresentação da próxima edição, que terá lugar em São Paulo, no próximo mês de Setembro de 2015, saudando-se os colegas e as entidades académicas responsáveis por mais este Congresso, lembram-se as primeiras duas edições e estrutura-se a continuidade temática e organizacional do Congresso nos próximos anos.


(ii) O 3.º CIHEL , São Paulo, Setembro de 2015 - aspetos gerais


EM PRIMEIRO LUGAR LEMBRAM-SE OS PRAZOS PARA ENTREGA DE PROPOSTAS DE COMUNICAÇÕES COM DATAS IMPORTANTES JÁ EM MARÇO DE 2015
De 8 a 11 de Setembro de 2015, o 3º Congresso Internacional da Habitação no Espaço Lusófono (3.º CIHEL) acontece pela primeira vez fora de Portugal, na cidade de São Paulo.

O 3º Congresso Internacional da Habitação no Espaço Lusófono (CIHEL) decorrerá em Setembro de 2015 na grande São Paulo com a organização direta de um excelente grupo integrado por algumas das maiores escolas de arquitetura e urbanismo brasileiras e lusófonas.

Este 3.º CIHEL irá, assim, sem dúvida, manter e até reforçar o rumo de extraordinário crescimento havido ao longo das primeira e segunda edições do CIHEL, ainda acessíveis na www e que, mais à frente, se sintetizam.

O 3.º CIHEL é organizado de forma conjunta pelas Faculdades de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (FAUUSP) e da Universidade Presbiteriana Mackenzie (FAU Mackenzie) e pelo Instituto de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (IAU USP), com o apoio do Laboratório de Habitação e Assentamento Humanos (LabHab-FAUUSP).

Organização
Prof. Dra. Camila D’Ottaviano – Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (FAU USP).
Prof. Dra. Denise Antonucci  – Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Presbiteriana Mackenzie (FAU Mackenzie).
Prof. Dra. Lúcia Zanin Shimbo –  Instituto de Arquitetura e Urbanismo (IAU USP).

Esta terceira edição do CIHEL tem como tema:

HABITAÇÃO: Urbanismo, Cultura e Ecologia dos Lugares


O 3.º CIHEL pretende desenvolver uma abordagem ampla e multifacetada da temática HABITAÇÃO: Urbanismo, Cultura e Ecologia dos Lugares, no momento em que se desenvolvem planos para produção habitacional em larga escala e para a reurbanização de extensas áreas em vários dos países da lusofonia, tendo presente a influência da construção/reabilitação habitacional e do crescimento urbano. Paralelamente, começam a se consolidar novas formas de intervenção urbanística em assentamentos precários, resultado da vontade social e política da aplicação de novos instrumentos urbanísticos.

Este 3.º CIHEL visa incluir, também, as novas temáticas para o III ONU-HABITAT / Habitat III (Third United Nations conference on housing and sustainable urban development), definidas durante o 7º Fórum Urbano Mundial, em abril de 2014, que teve lugar em Medellín, Colômbia, proporcionando o melhor conhecimento da grande amplitude temática, e das problemáticas, potencialidades e especificidades das matérias tratadas.
Na parte final deste artigo desenvolvem-se as temáticas do 3.º CIHEL.

Lembra-se que as Conferências Habitat são desenvolvidas de 20 em 20 anos: o Habitat I teve lugar em Vancover em 1976, o Habitat II em Istambul em 1996, e em breve o Habitat III em Quito, em Outubro de 2016. As Conferências Habitat - United Nations Conferences on Human Settelments - reúnem representações de alto nível de governos e do sector privado, organizações não governamentais, entidades académicas e de investigação e meios de comunicação social com o objectivo geral de contribuir para um habitat humano mais adequado, seguro e saudável, e para cidades e zonas urbanas mais agradáveis, humanas e estimulantes; podemos referir que, de 20 a em 20 anos, estas Conferências estruturam e redireccionam os objectivos concretos a seguir pelo habitat humano, tendo assim inegável e incontornável importância.

Os temas do Habitat III ligam-se ao comprometimento político com um desenvolvimento urbano sustentável, verificando-se o que foi conseguido até agora, dedicar atenção especial às matérias ligadas à pobreza e aos novos desafios urbanos, visando-se o estabelecimento de uma "Nova Agenda Urbana".

(iii) O 4.º CIHEL - sobre as temáticas do Habitat III, na UBI, Covilhã em 2017

Embora ainda a grande distância, mas considerando o que se julga ser o interesse e a naturalidade da ideia, desde já se aponta que se prevê que, na sequência do que foi apontado, relativamente à aproximação temática entre o 3.º CIHEL e o III ONU-HABITAT - Third United Nations conference on Housing and Sustainable Urban Development, o 4.º CIHEL seja, em princípio, realizado exatamente sobre a temática tratada no Habitat III, que decorrerá em Quito, Equador, em Outubro de 2016.

Pretende-se, desta forma, que o 3.º CIHEL - Setembro de 2015, São Paulo -, contribua para as matérias a tratar no Habitat III - Outubro de 2016, Quito -, e que, depois, estas temáticas sejam devidamente tratadas e aprofundadas, novamente em português e no âmbito do espaço lusófono, no 4.ª CIHEL, em Março de 2017, na Universidade da Beira Interior, na Covilhã, Portugal.

Desta forma poderá haver um amplo aprofundamento e uma oportuna e ampla discussão, no âmbito do espaço lusófono, das importantes matérias decididas no Habitat III e que irão marcar muitos anos da sequencial abordagem das áreas do habitat humano, da cidade e do território.

Prevê-se, ainda, que o  Centro de Investigação em Arquitetura, Reabilitação, Cidade, Habitat e Edificação (CIARCHE), atualmente em fase inicial de formação, no âmbito do Departamento de Engenharia Civil e Arquitetura da Universidade da Beira Interior (UBI), possa ter um intenso trabalho preparatório, de estruturação, apoio e condução dos trabalhos do 4. CIHEL; e neste sentido a participação da UBI no 3.º CIHEL é já uma realidade clara e estratégica, que se pretende potencializar.   

(IV) Lembrar os CIHEL anteriores

O 1.º CIHEL, 2010 - Desenho e realização de bairros para populações com baixos rendimentos

Imagem dos trabalhos do 1.º CIHEL, no ISCTE em Lisboa, 2010.

Lembra-se que o 1.º CIHEL foi realizado, em Lisboa, em Setembro de 2010, no ISCTE-IUL, com o essencial apoio e a organização da escola de Arquitetura deste Instituto e dos Professores Paulo Tormenta Pinto e António Reis Cabrita.
https://cihel01.wordpress.com/about/ (se a ligação não abrir, basta procurar "1.º cihel" e estará disponível o respetivo site para consulta).

O  1.º CIHEL juntou cerca de 300 pessoas durante 3 dias e integrou um seminário inicial, uma feira do livro e uma exposição realizada pelo CIAUD da FAUTL.

O tema do 1.º CIHEL foi: “Desenho e realização de bairros para populações com baixos rendimentos”.

Ver: AAVV - Actas 1.º CIHEL 2010 – 1.º Congresso Internacional de Habitação no Espaço Lusófono, Editora Argumentum, Lisboa, 2010, 160 p. e CD com o texto integral de todas as intervenções ao Congresso, ISBN 978-972-8479-72-5.~

O 2.º CIHEL, 2013 - Habitação, Cidade, Território e Desenvolvimento
O 2.º CIHEL foi realizado, em Março de 2013, também em Lisboa, no Laboratório Nacional de Engenharia Civil (LNEC), organizado pelo LNEC, com idêntico apoio dos referidos colegas Paulo Tormenta Pinto e Reis Cabrita, mais o do Prof. Miguel Amado e da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa, que simultaneamente concretizou o 1.º CCRSEEL - Congresso de Construção e Reabilitação Sustentável de Edifícios no Espaço Lusófono .
O tema do 2.º CIHEL foi: “Habitação, Cidade, Território e Desenvolvimento”
Ver: COELHO, António Baptista; COELHO, Pedro Baptista (coord. e org.) - Livro de Atas 2.º CIHEL 1.º CCRSEEL 2013 - 2.º Congresso Internacional da Habitação no Espaço Lusófono e 1.º Congresso Construção e Reabilitação Sustentável de Edifícios no Espaço Lusófono - Habitação, Cidade, Território e Desenvolvimento, Lisboa, LNEC, Março 2013, 374 pp. e CD com texto integral de todas as intervenções ao Congresso, ISBN 978-972-49-2251-5.

Imagem do Secretariado Permanente do CIHEL, na conclusão do 2.º CIHEL, no LNEC em Lisboa, 2013


O  2.º CIHEL juntou cerca de 450 pessoas ao longo de toda uma semana, até porque esteve em ligação com outras iniciativas entre as quais se destacam/sintetizam: a apresentação e visita ao Programa da Câmara Municipal de Lisboa, "Bairros e Zonas de Intervenção Prioritária BIP-ZIP"; um Fórum do CIALP - Conselho Internacional dos Arquitectos de Língua Portuguesa; um evento da  Secretaria de Estado das Comunidades Portuguesas (SECP) e da AICEP-Portugal Global, com apoio do Instituto do Território (IT) integrando um grupo de empresários da diáspora lusófona; três exposições e uma grande feira do livro.

Sublinha-se que tanto o 1.º CIHEL como o segundo tiveram o essencial apoio da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa  - CPLP -  e que o Senhor Secretário Executivo da CPLP, embaixador Murade Murargy, presidiu e fez uma intervenção na sessão de abertura do 2.º CIHEL.

Salienta-se, ainda, que nos dois congressos e entre tantos outras       cooperações, houve apoios que viabilizaram os congressos por parte: da Câmara Municipal de Lisboa (CML), através da colega arquiteta então Vereadora da Habitação, Arq.ª Helena Roseta, que presidiu ao 1.º CIHEL; do Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana (IHRU); do Centro de Investigação em Arquitectura Urbanismo e Design da Faculdade de Arquitetura da Universidade de Lisboa (CIAUD-FAUL); da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa (FCT-UNL); da Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT); do Laboratório de Engenharia de Angola (LEA); e da Ordem dos Arquitetos (OA).

Em termos pessoais muitos foram os apoios vitais, mas há que destacar: o Prof. Arq.º António Gameiro, da Universidade Agostinho Neto de Angola, um elemento-chave em toda a dinâmica do CIHEL, bem como todo uma muito significativa presença de altos quadros angolanos no 2.º CIHEL, o Prof. Anselmo Cani, da Universidade Eduardo Mondlane de Moçambique, vários amigos e colegas da grande FAU-USP, entre os quais a Profª Sheila Ornstein e o Prof. Khaled Ghoubar, a Dr.ª Teresa Fonseca do LNEC e a Prof.ª Teresa Madeira do ISCTE, o Arq.º Pedro Baptista Coelho e a Técnica Anabela Manteigas, e o inestimável apoio do colega jornalista da RDP e membro da CPLP Gabriel Baguet Júnior, que realizou uma excelente cobertura do 2.º CIHEL, dando-lhe uma grande e expressiva dimensão.

Bem hajam todos e ficam aqui as necessárias desculpas por sempre inevitáveis esquecimentos sobre tantos que tornaram estes CIHEL possíveis e  que aqui seria muito difícil designar.

(V) O 3.º CIHEL, São Paulo, Setembro de 2015  - HABITAÇÃO: Urbanismo, Cultura e Ecologia dos Lugares  http://labhab.fau.usp.br/3cihel/

O 3.º CIHEL é organizado de forma conjunta pelas Faculdades de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (FAUUSP) e da Universidade Presbiteriana Mackenzie (FAU Mackenzie) e pelo Instituto de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (IAU USP), com o apoio do Laboratório de Habitação e Assentamento Humanos (LabHab-FAUUSP).

Em Portugal o 3.º CIHEL tem apoios: do Departamento de Engenharia Civil e Arquitectura (DECA) da Universidade da Beira Interior (UBI) e do seu Centro de Investigação em Arquitetura, Reabilitação, Cidade, Habitat e Edificação (CIARCHE, em formação), do Centro de Administração e Políticas Públicas  do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas (CAPP-ISCSP), do Centro de Investigação em Urbanismo, Arquitectura e Design / Faculdade de Arquitectura (CIUAD-FA) da Universidade de Lisboa, do Laboratório Nacional de Engenharia Civil (LNEC), do Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL), do GHabitar APPQH, do Comitê Português de Coordenação da Habitação Social (CECODHAS) e do Secretariado Permanente do CIHEL.

O 3.º CIHEL pretende desenvolver uma abordagem ampla e multifacetada da temática HABITAÇÃO: Urbanismo, Cultura e Ecologia dos Lugares, no momento em que se desenvolvem planos para produção habitacional em larga escala e para a reurbanização de extensas áreas em vários dos países da lusofonia, tendo presente a influência da construção/reabilitação habitacional e do crescimento urbano. 

Paralelamente, começam a se consolidar novas formas de intervenção urbanística em assentamentos precários, resultado da vontade social e política da aplicação de novos instrumentos urbanísticos.

Os trabalhados poderão ser apresentados em cinco Sessões Temáticas distintas:

I. Programas e Políticas Públicas em Habitação
II. Projetos Habitacionais
III. Informalidade e Precariedade do Habitat
IV. Tecnologia e Custos
V. Habitat, Paisagem e Ambiente

O 3º CIHEL é aberto à participação de pesquisadores, acadêmicos e profissionais de todos os países de língua portuguesa que desenvolvam pesquisas com temáticas relacionas à habitação – políticas públicas, provisão, projeto, tecnologia, gestão, etc.
Contará também com uma chamada para um Concurso de Trabalhos Finais de Graduação relativos ao tema da Habitação.

No âmbito do 3.º CIHEL  decorrerão: Palestras Plenárias; Mesas Redondas; Sessões Temáticas; Oficinas Técnicas; e Visitas Guiadas.
Mais informações em: http://labhab.fau.usp.br/3cihel/

Organização
Coordenação Geral

Prof. Dra. Camila D’Ottaviano – FAU USP

Prof. Dra. Denise Antonucci – FAU Mackenzie

Prof. Dra. Lúcia Zanin Shimbo – IAU USP


Comitê Organizador

Prof. Dr. Antonio Baptista Coelho – UBI e GH
Prof. Dr. Artur Rozestraten – FAU USP
Prof. Dr. Carlos Almeida Marques – CAPP ISCSP
Prof. Dr. Eduardo Nobre – FAUUSP
Prof. Dra. Eunice H. S. Abascal  – PPGAU-FAU Mackenzie
Prof. Dra. Karina Leitão – LabHab – FAU USP
Prof. Dr. Khaled Ghoubar – FAU USP e GH
Prof. Dr. Márcio Minto Fabrício – IAU USP
Prof. Dr. Miguel Antônio Buzzar – IAU USP


Comissão Organizadora

Prof. Dra. Akemi Ino – IAU USP
Prof. Dr. Antonio Reis Cabrita – LNEC
Prof. Dra. Cibele Saliba Rizek – IAU USP
Prof. Msc. Débora Sanches – PPGAU-FAU Mackenzie (doutoranda)
Prof. Msc. Eliana Rosa de Queiroz Barbosa – PPGAU-FAU Mackenzie
Prof. Dra. Eulália Portela Negrelos – IAU USP
Prof. Cat. Fernando Moreira da Silva ( CIAUD FAUL)
Prof. Dr. João Carvalhosa – CECODHAS
Prof. Dr. João Marcos de Almeida Lopes – IAU USP
Prof. Dr. João Fernando Pires Meyer – FAUUSP
Prof. Dr. João Sette Whitaker Ferreira  – FAU USP
Prof. Dr. Jorge Bassani  – FAU USP
Arq. Lara Isa Costa Ferreira – FAU USP (mestranda)
Prof. Dra. Luciana Bongiovanni Martins Schenk  – IAU USP
Prof. Dra. Maria Augusta Justi Pisani – FAU Mackenzie
Prof. Dra. Maria de Lourdes Zuquim – FAUUSP
Prof. Dra. Maria Isabel Villac – FAUMackenzie
Prof. Dra. Marluci Menezes  – LNEC
Prof. Dr. Miguel Amado – FCT Universidade Nova de Lisboa
Prof. Msc. Paulo Emílio Buarque Ferreira – FAUMackenzie (doutorando)
Prof. Dr. Paulo Tormenta Pinto – ISCTE-IUL e GH
Arq. Rafael Costa De Moura – FAUUSP (mestrando)
Prof. Msc. Sara Vieira Rosa – LEHAB UFC e FAUUSP (doutoranda)
Prof. Msc. Viviane Manzione Rubio da Camara – FAUMackenzie
Prof. Dra.Volia Regina Kato – FAUMackenzie


Comitê Científico

Coordenação: Prof. Dr. Khaled Ghoubar (FAU USP)
Profa. Dra. Ana Maria Tavares Martins (UBI)
Profa. Dra. 
Beatriz Kara José (SENAC SP)
Prof. Dr. 
Edson Mahfuz (UFRGS)
Profa. Dra. 
Gisela Cunha V. Leonelli (FEC Unicamp)
Prof. Dr. 
João Farias Rovati (UFRGS)
Profa. Dra. Lizete Maria Rubano
 (FAU Makenzie)
Profa. Dra. 
Lúcia M. M. Bógus (PUC SP)
Prof. Dr. 
Luiz Manuel do Eirado Amorim (UFPE)
Prof. Dr. 
Márcio Valença (UFRN)
Profa. Dra. 
Maria Beatriz Cruz Rufino (FAU USP)
Profa. Dra. 
Marta Silveira Peixoto (UFRGS)
Porf. Dr. 
Nelson Baltrusis (UCSAL)
Prof. Dr. 
Nilton Ricoy Torres (FAUUSP)
Profa. Dra. 
Patrícia Samora (USJT)
Prof. Paulo Moreira (LondonMet)
Prof. Dr. 
Reginaldo Ronconi (FAU USP)
Prof. Dr. 
Renato Pequeno (UFC)
Prof. Dr. 
Rogério de Castro Oliveira (UFRGS)
Profa. Dra. 
Rosaria Ono (FAU USP)
Prof. Dr. 
Sheila Ornstein (FAU USP)
Profa. Dra. Silvia Aparecida Mikami G. Pina
 (UNICAMP)
Profa. Dra. 
Suzana Pasternak (FAU USP)
Prof. Dr. 
Walter Galvão (UniNove)

Notas editoriais:
(i) Embora a edição dos artigos editados na Infohabitar seja ponderada, caso a caso, pelo corpo editorial, no sentido de se tentar assegurar uma linha de edição marcada por um significativo nível técnico e científico, as opiniões expressas nos artigos e comentários apenas traduzem o pensamento e as posições individuais dos respectivos autores desses artigos e comentários, sendo portanto da exclusiva responsabilidade dos mesmos autores.
(ii) De acordo com o mesmo sentido, de se tentar assegurar o referido e adequado nível técnico e científico da Infohabitar e tendo em conta a ocorrência de uma quantidade muito significativa de comentários "automatizados" e/ou que nada têm a ver com a tipologia global dos conteúdos temáticos tratados na Infohabitar e pelo GHabitar, a respetiva edição da revista condiciona a edição dos comentários à respetiva moderação, pelos editores; uma moderação que se circunscreve, apenas e exclusivamente, à verificação de que o comentário é pertinente no sentido do teor editorial da revista; naturalmente , podendo ser de teor positivo ou negativo em termos de eventuais críticas, e sendo editado tal e qual foi recebido na edição.
(iii) Para proporcionar a edição de imagens na Infohabitar, elas são obrigatoriamente depositadas num programa de imagens, sendo usado o Photobucket; onde devido ao grande número de imagens se torna muito difícil registar as respectivas autorias. Desta forma refere-se que, caso haja interesse no uso dessas imagens se consultem os artigos da Infohabitar onde, sistematicamente, as autorias das imagens são devidamente registadas e salientadas. Sublinha-se, portanto, que os vários albuns do Photobucket que são geridos pelo editor da Infohabitar constituem bancos de dados da Infohabitar, sendo essas imagens de diversas autorias, apontadas nos artigos da Infohabitar, pelo que deve haver todo o cuidado no seu uso; havendo dúvidas um contacto com o editor será sempre esclarecedor.

Infohabitar, Ano XI, n.º 522
Artigo LXX da Série habitar e viver melhor

O Congresso Internacional da Habitação no Espaço Lusófono (CIHEL): de Lisboa (2010 e 2013), a São Paulo em Setembro de 2015 (3.º CIHEL) e à UBI na Covilhã em 2017

Editor: António Baptista Coelho abc@ubi.pt, abc@lnec.pt e abc.infohabitar@gmail.com
GHabitar (GH) Associação Portuguesa para a Promoção da Qualidade Habitacional, Mestrado Integrado em Arquitectura da Universidade da Beira Interior - MIAUBI

Edição: José Baptista Coelho - Lisboa, Encarnação - Olivais Norte.

Sem comentários :